Burger King e o preconceito.

Artigo de Flávio Romeu Picinini

O Burger King lançou esta semana uma campanha de esclarecimento e apoio ao Orgulho LGBTI+. No vídeo, crianças compartilham a sua visão real sobre a diversidade, sempre acompanhados por seus responsáveis.

O vídeo, contudo, não tem sido bem recebido por todos os públicos. No Twitter, um dos assuntos mais comentados na tarde desta sexta-feira, 25, é “BurgerKingLixo” e continua provocando reações.

Não é a primeira vez que a rede de fastfood instiga o debate sobre assuntos que geram debates acalorados. Em 2018, usou os ataques que recebeu nas redes sociais para uma campanha de “marketing reverso” expondo os limites entre opinião e preconceito.

Opiniões, tanto positivas quanto negativas, são manifestações do livre pensamento, garantido pela Constituição. Mas os ataques de determinados segmentos da sociedade é oportunidade para repensar outra questão:

Como estabelecer um limite entre o que é opinião e o que é demonstração de preconceito?

O preconceito está presente em todos os segmentos da sociedade e, no meu trabalho diário, o vejo expostos no trabalho, nos grupos sociais e religiosos. Infelizmente está muito mais presente no cotidiano das pessoas do que se imagina.

Eu, sinceramente, acredito que cada um de nós temos um papel importante de conscientização. O assunto é sério e precisa ser debatido com respeito às opiniões contrárias.

E você? Qual sua opinião? Comente.

SE VOCÊ TIVER ALGUMA DÚVIDA RELACIONADO A ESSE ASSUNTO, NÃO DEIXE DE AGENDAR UMA CONSULTA CLICANDO NO BOTÃO ABAIXO

Fique por dentro

Explore por mais artigos

Lei do motorista profissional.

O motorista profissional que trabalha com carteira registrada tem direitos garantidos por lei. ✅ – Quanto à jornada de trabalho: A jornada de trabalho do

A lógica do sistema capitalista

O trabalhador vende e coloca à disposição do empregador valiosas horas de sua finita permanência neste mundo. Para ele, o capital é cada minuto de sua vida.

O caso do casal Diego e Angélica.

Mais uma semana de trabalho em ritmo intenso, e estou agradecido pela oportunidade que tive de prosseguir com a missão de esclarecer pessoas. Sexta-feira conheci

Shape
%d blogueiros gostam disto: